Amazônia Assembleia Legislativa do Amazonas Brasília Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Cotidiano Economia Educação Energia
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
01/11/2019 | 00:23 - Acre / Política

AC. No Acre, deputados de Roraima falam sobre as dificuldades de acesso ao Estado

Divulgação

Com o tema “Aviação Civil na Amazônia”, os deputados Renato Silva (Republicanos), Renan Filho (Republicanos), Nilton Sindpol (Patri), Gabriel Picanço (Republicanos), Chico Mozart (Cidadania) e Marcelo Cabral (MDB) falaram das dificuldades que é sair de Roraima ou chegar ao Estado por via aérea.

 

Deputados de Roraima participaram nesta quinta-feira (31), da 13ª Reunião Ampliada do Colegiado de Deputados do Parlamento Amazônico, realizada na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), na cidade de Rio Branco, com parlamentares da região Norte e dos estados do Maranhão e Mato Grosso.

Com o tema “Aviação Civil na Amazônia”, os deputados Renato Silva (Republicanos), Renan Filho (Republicanos), Nilton Sindpol (Patri), Gabriel Picanço (Republicanos), Chico Mozart (Cidadania) e Marcelo Cabral (MDB) falaram das dificuldades que é sair de Roraima ou chegar ao Estado por via aérea.

Para exemplificar, Renato Silva explicou que para chegar ao local da reunião do Parlamento Amazônico, a comitiva saiu de Roraima com destino a Brasília e de lá pegaram um outro voo para chegar ao Acre, em uma viagem de quase 7 horas. “Sabemos das dificuldades que nós temos aqui no Norte para se deslocar para outros estados”, falou o deputado Renato Silva.

Essa situação da aviação civil não é particularidade somente de Roraima, explicou o deputado Renan Filho. “É algo surreal a gente ter que sair do Norte, ir pro Centro-Oeste para voltar pro Norte novamente. Foi um conjunto de ideias que os deputados colheram e vamos passar para a Anac [Agência Nacional da Aviação Civil] para ver o que terá de resposta positiva em relação a melhorias dos voos para região Norte”.

Outro assunto levantado neste encontro foi a situação migratória. Renato Silva aproveitou a presença do presidente da Unale (União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais), deputado Kennedy Nunes (PSD-SC), e do presidente do Parlamento Amazônico, Sinésio Campos (PT-AM), para pedir apoio sobre esta situação às duas instituições. “Para levarem à Brasília a realidade de Roraima que nós estamos vivendo com essa crise migratória”, disse.


O deputado Nilton Sindpol ressaltou que falta união entre deputados federais e senadores de todos os Estados da Amazônia Legal para ajudar no desenvolvimento da região. “A importância da Amazônia para o Brasil deve ser analisada economicamente, com projetos que devem ser implementados nessa região. A Amazônia é importante no discurso, mas a prática não tem caminhado na velocidade que se necessita”.

PROGRAMAÇÃO

Outros assuntos fizeram parte da programação da 13ª Reunião Ampliada do Colegiado de Deputados do Parlamento Amazônico nesta quinta-feira. Além da Aviação Civil na Amazônia, os parlamentares conheceram sobre a estrada interestadual Pucallpa (Peru) – Cruzeiro do Sul (AC), sobre os investimentos do Banco da Amazônia na região e a extração e comercialização da borracha e da castanha na Amazônia.

Integram o Parlamento Amazônico deputados de Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Maranhão, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

 

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2019 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença