Amazônia Assembleia Legislativa do Amazonas Brasília Câmara Municipal de Manaus Cidades Ciência Cotidiano Economia Educação Energia
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
19/12/2019 | 12:22 - Amazonas / Saúde

AM. Equipamentos estão funcionando no Francisca Mendes e cirurgias ocorrem normalmente

Tácio Mello- Secom

“O que se deu foi que o equipamento foi desligado de maneira incorreta. Isso foi constatado, está sendo investigado, e houve a suspensão da cirurgia de uma criança que está sendo realizada hoje. Hoje nós estamos com três procedimentos cirúrgicos em sala neste momento, dos quais dois são pediátricos e um, adulto”, afirmou a secretária executiva, Daiana Mejia.

 

Máquinas de hemodinâmica receberam devida manutenção, e três cirurgias foram realizadas nesta quarta-feira (18/12)

 

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) informou nesta quarta-feira (18/12) que o Hospital Francisca Mendes, referência em cardiologia na rede estadual de saúde, está funcionando dentro da normalidade. Três cirurgias cardíacas, sendo duas pediátricas e uma adulta, estão acontecendo na unidade neste dia e, pelo menos, oito procedimentos de hemodinâmica – cardiológicos e neurológicos – foram agendados para hoje e estão sendo realizados desde a manhã.

 

Uma das cirurgias é a de um bebê de 3 meses, que foi reprogramada para hoje porque o carrinho anestésico apresentou problema no momento do procedimento, na tarde da segunda-feira (16/12). A direção do hospital informou que o equipamento não está com defeito, como fora informado pela imprensa. Após o cancelamento do procedimento no centro cirúrgico, a equipe de manutenção constatou que o equipamento estava desprogramado, possivelmente porque fora desligado acidentalmente da tomada.

 

“O que se deu foi que o equipamento foi desligado de maneira incorreta. Isso foi constatado, está sendo investigado, e houve a suspensão da cirurgia de uma criança que está sendo realizada hoje. Hoje nós estamos com três procedimentos cirúrgicos em sala neste momento, dos quais dois são pediátricos e um, adulto”, afirmou a secretária executiva, Daiana Mejia.

 

A secretária constatou ainda que as duas máquinas do serviço de hemodinâmica estão funcionando normalmente. Os equipamentos são responsáveis pela realização de procedimentos cardiológicos, como cateterismo e colocação de marca-passo, e os neurológicos, como arteriografia e angiografias. Nessa quarta-feira, oito procedimentos estão acontecendo.

“O que aconteceu foi que os aparelhos de hemodinâmica estavam em manutenção. Nós tínhamos um apenas funcionando, e o que faz MAV (Malformação Arteriovenosa) em manutenção. Na semana passada, na sexta-feira (13/12), conseguimos fazer a manutenção do aparelho de MAV e o outro aparelho que estava funcionante apresentou hiperaquecimento. Foi corrigido, os dois receberam manutenção preventiva e corretiva, e estão em pleno funcionamento, tanto que hoje estamos realizando sete procedimentos de hemodinâmica com esses equipamentos”, afirmou Mejia.

 

Salas de cirurgia – A secretária ressaltou que o Governo do Estado está reestruturando a unidade para recuperar sua capacidade instalada em 100%. Das cinco salas cirúrgicas, três estão operantes e uma delas foi colocada para funcionar em maio pela atual gestão. As outras duas serão reequipadas para voltar a funcionar ano que vem.

 

“No meio do ano, nós tentamos abrir a quarta sala. Porém, estruturalmente, do ponto de vista da engenharia elétrica, a unidade hospitalar não consegue comportar mais demanda de tecnologia e eletricidade. Diante disso, elaboramos um projeto de adequação que será executado a partir de janeiro do ano que vem, inclusive com ampliação de leitos de UTI Pediátrico, para que nós possamos abrir as demais salas. Hoje nós temos três salas em funcionamento, vão ser abertas as outras duas, porém é importante que a gente saliente que não é o simples fato de abrir as salas, nós precisamos ampliar os leitos para que a gente possa manter a demanda de atendimento dos pacientes”, disse a secretária, durante visita à unidade, nesta quarta-feira (18/12).


Medicamentos e materiais

Além disso, Daiana Mejia informou que o estoque medicamentos e materiais está normalizando no hospital, dentro das demandas de cirurgias e procedimentos agendados para este ano.

 

“Nós constatamos que temos os estoques regulares dentro da necessidade do Francisca Mendes até o ano que vem. No momento, por informação da farmacêutica responsável, tanto pela farmácia, quanto pelo ciclo de OPME (Órteses, Próteses e Materiais Especiais para procedimentos médicos), fomos informados que os materiais que não estão em estoque, diante do planejamento cirúrgico que os médicos têm apresentado, eles estão sendo solicitados aos fornecedores e entregues em tempo hábil das cirurgias”, afirmou a secretária.

 

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2019 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença