Brasília Cidades Ciência Cotidiano Cultura Economia Educação Energia Entretenimento ESPECIAL PUBLICITÁRIO
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
25/08/2020 | 16:00 - Amazonas / Notícias

APÓS 17 MESES INTERDITADO PORTO DE ITACOATIARA VOLTA A OPERAR NORMALMENTE

Divulgação

 
Depois de mais de um ano desativado, o Porto Fluvial de Itacoatiara – Amazonas, voltou a operar desde a última quarta-feira, 19. O porto funcionou até março de 2019, quando a Marinha do Brasil inspecionou o local e interditou solicitando algumas benfeitorias no local, como: a manutenção das defesas de pneus e madeira, rede de combate a incêndio, pintura dos elementos navais, serviços dos elementos navais, instalação elétrica e certificação.  
A retomada das atividades proporcionará ganhos econômicos significativos para a região. Além de um sinal de reação econômica, o resultado está diretamente associado ao retorno do transporte e à diversificação de cargas movimentadas no porto. 
“Nós queremos aqui agradecer ao DNIT, por mais essa obra realizada em Itacoatiara, mas eu gostaria de destacar, que essa discussão foi a Prefeitura de Itacoatiara  há mais de um ano atrás, que solicitou pra que houvesse uma audiência pública, porque nós nos encontrávamos com dois portos, o porto antigo que é o do centro da cidade, e o porto novo que é na zona leste da cidade, então a nossa audiência pública movimentou todo staff do setor de transporte e nós tivemos a felicidade de naquelas alturas, ter recebido a garantia do DNIT de que o nosso porto central seria reformado e entregue a comunidade. A entrega deste porto significa, portanto, embarque e desembarque de pequenas cargas, mas terá uma influência e um significativo muito grande para a cidade uma vez que a nossa cidade tem uma vocação portuária muito grande que recebe barcos de todos os Estados da Região Norte. Portanto, ficar sem esse porto aqui significaria perder recursos, perder trabalho para os nossos estivadores e descaracterizar o município da sua vocação. Parabéns Itacoatiara, muito obrigada a todos os envolvidos e quem ganha com isso é Itacoatiara e os municípios vizinhos”, disse o prefeito Antônio Peixoto.
De acordo com o diretor-geral do DNIT, Tarcísio Gomes de Freitas, por meio de suas redes sociais, a instalação portuária de Itacoatiara, foi entregue pelo Governo Federal, reativada e já está em operação.  
Tarcísio também enfatiza que toda a Amazônia está sendo equipada de pequenos terminais para alavancar o modo de transporte hidroviário, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).  
“Foco na integração e no desenvolvimento econômico com a maior circulação de bens, pessoas e serviços. Itacoatiara é a 3a maior cidade do estado, funciona como entreposto entre Manaus e os portos do Pará e possui uma atividade agropecuária relevante para a região”, disse Tarcísio. 
 

  

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2020 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença