Brasília Cidades Ciência Cotidiano Cultura Economia Educação Energia Entretenimento ESPECIAL PUBLICITÁRIO
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
14/05/2020 | 14:20 - Roraima / Polícia

Carro de Ex- namorado de Miss é encontrado no Interior de RR

Foto: Divulgação

O carro foi encontrado nas proximidades do Parque Nacional do Viruá, em Caracaraí

O veículo, danificado pelo capotamento, estava nas proximidades do Parque Nacional do Viruá, em Caracaraí
 
O carro utilizado pelo servidor público Rafael Fernandes Rodrigues, 31 anos, apontado como principal suspeito pelo assassinato da miss amazonense Kimberly Mota, 22 anos, foi encontrado em Caracaraí na tarde desta quarta-feira (13), informou a Polícia Civil de Roraima.
 
O veiculo foi localizado na BR-174, nas proximidades do Parque Nacional do Viruá, bastante danificado por conta do capotamento.
"A hipotese é de que o motorista do veículo estivesse com excesso de velocidade e tenha perdido o controle do veículo, capotando nesta curva, saindo da pista", diz a nota.
 
Há ainda informaçõesde que o foragido pediu socorro na Vila Petrolina e depois pegou carona para Boa Vista, segundo a Polícia Civil. 
Rafael entrou em Roraima na última segunda-feira (11), 24 horas antes do corpo de Kimberly ser encontrado no apartamento dele no Centro de Manaus. A miss Manicoré estava desaparecida desde o domingo (10) e foi morta a facadas com golpes no pescoço, tórax e abdômen.
 
 
A miss Kimberly Mota, 22 anos, estava desaparecida desde domingo (10) - Foto: Redes Sociais

 
 
A Polícia Civil do Amazonas, responsável pelas investigações, acredita que possa ter acontecido uma briga entre os dois antes do crime, já que Rafael não teria aceitado o fim do relacionamento. Foi descartada a hipótese do crime ter sido premeditado.
 
Imagens do circuito interno do condomínio registraram o momento que o suspeito entra no elevador e vai até o subsolo para fugir.
 
 
Rafael Fernandez, 31 anos, entrou em Roraima na segunda-feira (10) - Foto: Divulgação/PCAM

 
 
O paradeiro de Rafael foi descoberto com o preenchimento da ficha epidemiológica na barreira sanitária da Vila Jundiá, em Rorainópolis, na divisa com o Amazonas. No documento, o suspeito informa Boa Vista como destino e seu retorno a Manaus no dia 26 de maio. O motivo da viagem seria a passeio.
 
 
Uma força-tarefa formada pela Polícia Civil, Militar e Divisão de Inteligência e Captura (Dicap) da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) foi estabelecida para localizar e prender o suspeito, que possui um mandado de prisão expedido pelo Tribunal de Justiça do Amazonas.

  

Fonte: Folha de Boa Vista

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2020 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença