Brasília Cidades Ciência Cotidiano Cultura Economia Educação Energia Entretenimento ESPECIAL PUBLICITÁRIO
GALERIAS RÁDIO TV
notícias
03/12/2020 | 21:05 - Brasil / Notícias

Vice-presidente do Carrefour pede desculpas pelo episódio que matou João Alberto

Divulgação

João Alberto, homem negro, morreu no dia 19 de novembro após ser espancado por dois seguranças da loja

O vice-presidente do Carrefour (CRFB3) no Brasil, Stephano Engelhard, pediu desculpas pelo episódio que matou João Alberto Freitas em uma loja da rede em Porto Alegre (RS).
“O Carrefour errou, o Carrefour falhou. Tem alguma coisa que não funcionou no Carrefour. Vou deixar isso bem claro para que não haja dúvidas. Pode ser uma empresa terceirizada, mas a responsabilidade é nossa”, disse o executivo hoje (3) em reunião virtual da comissão externa da Câmara que acompanha a investigação do caso.
João Alberto, homem negro, morreu no dia 19 de novembro após ser espancado por dois seguranças da loja.

“Nós, eu como coordenador, quero iniciar a fala dizendo que nós ficamos estarrecidos com o que aconteceu no Carrefour. E repito que não é uma peculiaridade só do Carrefour. Outras empresas cometeram atitudes semelhantes. Mas nós vamos aqui tomar como uma questão simbólica por ter tido a morte de mais um corpo negro”, afirmou. 

deixe seu comentário

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
Acompanhe nas redes sociais

© 2006 - 2020 Roteiro Amazônico. Todos os direitos reservados.

sob liçença